Lisbela Testo

Testo Lisbela

Lisbela Eu quero a sina do artista de cinema Eu quero a cena onde eu possa brilhar Um brilho intenso, um desejo Eu quero um beijo um beijo imenso Onde eu possa me afogar A patativa do norte Eu quero a sorte, eu quero a sorte Do chofer de caminhão Pra viajar por essa estrada mundo afora Ir embora sem sair do meu lugar Ser o primeiro ser um rei Eu quero um sonho Moça donzela mulher dama ilusão Na minha vida tudo vira brincadeira A matina é verdadeira domingo e televisão Eu quero um beijo de cinema americano Fechar os olhos fugir do perigo A minha vida vai virar novela Eu quero amor eu quero amar Eu quero amor de Lisbela (Essa música foi feita para o filme Lisbela e o Prisioneiro, mas a versão usada nele foi canatada por Los Hermanos)




Copia testo
  • Guarda il video di "Lisbela"
Questo sito web utilizza cookies di profilazione di terze parti per migliorare la tua navigazione. Chiudendo questo banner, scrollando la pagina acconsenti all'uso dei cookie.leggi di più