Espelho Quebrado Testo

Testo Espelho Quebrado

Com o seu chicote, o vento
Quebra o espelho do lago.
Em mim foi mais violento
O estrago

Porque o vento ao passar
Murmurou o teu nome
Depois de o murmurar,
Deixou-me.

Tão rápido passou
Nem soube destruir-me
Nas magoas em que sou
Tão firme.

Mas a sua passagem
Em vidro recortava
No lago a minha imagem
De escrava.

Ò liquido cristal
Dos meus olhos sem ti,
Em vão um vendaval,
Pedi,

Para que se quebrasse
O espelho que me enluta
E me ficasse a face
Enxuta.

Para que se quebrasse
O espelho que que me enluta
Em mim foi mais violento
O vento.
Copia testo
  • Guarda il video di "Espelho Quebrado"
Questo sito web utilizza cookies di profilazione di terze parti per migliorare la tua navigazione. Chiudendo questo banner, scrollando la pagina acconsenti all'uso dei cookie.leggi di più