Nunca é Silêncio Vão Testo

Testo Nunca é Silêncio Vão

Sanremo 2016, confermato Carlo Conti alla conduzione
Nunca é silencio vão
Esse que tenho contigo.
Pensando nós no que for
Só sei que sinto o amor
Quando te calas comigo.

E lá ficamos os dois
De mãos dadas no meu carro.
Consolas-me sempre assim
Calado junto de mim
Vendo as tristezas que varro.

E por mais que explique bem
O que vai no coração,
É do nada que vem tudo,
Nesse teu olhar tão mudo
Nunca há silencio vão.