Comunidá Testo

Testo Comunidá

Alessandra Amoroso si opera alle corde vocali
Vê se quem faz a comida é o ouro
E quem traz a bebida
E quem prepara o salão
Um troco do sindicato é o ouro
Uns cem do candidato
Uns dez da associação

Luz, pede pra prefeitura, é o ouro
Pede uma viatura
Com Cosme e Damião
Vê se esse novo bicheiro é o ouro
Pode ser o patrono
E acabar dando uma mão

Comunidá
Camaradagem, todas cores
Comunidá
Lavagem pra lavar nossas dores
Comunidá
Na hora da dificuldade, eu sei
Comunidá também
Na festa, na titica de felicidade, amém