Realidade (Não Sou De Ninguém) Testo

Testo Realidade (Não Sou De Ninguém)

Realidade
O tempo a escassear
Cumplicidade
Está na hora de voltar

O tentar vencer por baixo
Querer um dia ser alguem
Não poder pisar os outros
E não dever nada a ninguem

Sempre atento à minha volta
E sem nada a condenar
O sacrificio é grande
Os braços não vão baixar

Realidade
O tempo a escassear
Cumplicidade
Está na hora de voltar
Vulgaridade
O tempo a escassear
Ver o tempo a escassear

E eu não sou de ninguém

Condição de ser quem sou
De nunca vir a mudar
Ideais para manter
É preciso ajudar

Sem comportamentos falsos
E sem nada de ninguem
Problemas todos temos
E resolução tambem

Realidade
O tempo a escassear
Cumplicidade
Está na hora de voltar

E eu não sou de ninguém
Copia testo
  • Guarda il video di "Realidade (Não Sou De Ninguém)"
Questo sito web utilizza cookies di profilazione di terze parti per migliorare la tua navigazione. Chiudendo questo banner, scrollando la pagina acconsenti all'uso dei cookie.leggi di più